Buscar
  • Everton Lopes

5 PASSOS PRA VER SE VAI OU NÃO VAI

Cansado de se decepcionar no relacionamento com as pessoas?

Toda vez que você decide confiar em alguém, a frustração é certa?

Você se tornou uma pessoa fechada devido às traições de amigos e até em relacionamentos amorosos?


Se sua resposta é sim para alguma destas perguntas, este artigo é pra você.


5 PASSOS PRA VER SE VAI OU NÃO VAI



Bem este nome é até engraçado, mas o conteúdo é muito sério e fundamental pra nossa vida no dia a dia, pois visa instruir e direcionar suas ações antes de tomar as decisões específicas sobre os tipos de relacionamentos que deseja construir.


O que é os 5 passos pra ver se vai ou não vai?


É o manual prático que te ensina a tomar a decisão correta em seus relacionamentos amorosos, familiares e amizades.


Pra quem não é este conteúdo?

  • Para aventureiros amorosos.

  • Para manipuladores.

  • Para pessoas que não estão dispostas a abrir mão.

  • Para pessoas que imediatistas que desejam um toque mágico ao invés de paciência para dar um passo de cada vez.

Pra que é?


Para todos que estão cansados de sofrer com a decisões erradas em seus relacionamentos e estão dispostos a vencer criando emoções controladas e inteligentes.


Que tipo de relacionamentos?


Você pode até pensar que o relacionamento amoroso é o único que sofre ou causa ou sofrimento, mas muitas pessoas estão esgotadas, depressivas ou até desenvolvendo síndromes relacionadas a ansiedade por tentarem de maneira errada se relacionar com familiares e "amigos".


Por que é importante?


Porque minimiza o tempo (você para de perder tempo).

Você não desperdiça energia, podendo canalizá-la para o objetivo certo.

Potencializa seu valor (pois você mostra a você você mesmo que é importante e também precisa ser conquistado).


Minimiza as possibilidades dores, frustrações, depressão, ansiedade, brigas e até gravidez indesejada (visto que não criará expectativas infundadas em relacionamentos amorosos nocivos).


Atenção


Este passos são referentes a mim mesmo, significa que não devo pensar em nenhuma pessoa que deveria ler este conteúdo, mas eu preciso ler, estudar e aplicar em minha própria vida.


"O único poder que tenho é de mudar a mim mesmo"


Somos responsáveis por nossas escolhas, assim as circunstâncias, cultura ou qualquer outra situação não pode ser responsabilizado por cada decisão que tomamos.



Por que é tão difícil colocar em prática estes passos?


Porque precisamos lidar com...


  • Desapego a pessoas e situações que tomamos como nossa.

  • As dores do passado relutam em nos dominar no presente.

  • A história que formamos criam rotinas, estilos e hábitos que dificultam nossa mudança.

  • A pressão da sociedade e família é quase que insuportável.


Mas, precisamos entender se a gana, vontade e o real desejo de criar emoções e relacionamentos saudáveis é MAIOR que o as dificuldades citadas acima.



ANTES DE FALAR DIRETAMENTE SOBRE OS 5 PASSOS, VOCÊ PRECISA ENTENDER ISSO


Existem 3 tipos de relacionamos que classifico como:


A relacionamento de proximidade, cumplicidade, confiança, você se falam sempre, há liberdade (tipo cônjuge)


B relacionamento esporádico, conversam as vezes, se encontram na igreja, clube, empresa (tipo colegas de trabalho)


C relacionamento bem superficial, se cumprimentam quando se veem, se encontram na rua, quando vai buscar os filhos na escola (tipo a professora da escola do seu filho)


Bem, essa identificação é a base para os 5 passos, pois ela te conduzirá em cada passo. Perceba que, se você quer ter uma relaçao tipo A e a outra pessoa até é bem legal, mas quer uma relação tipo B com você então está na hora de recuar e se colocar na posição correta.


Por que?


Por causa da expectativa, sua expectativa tem que estar alinha com a da outra pessoa. Conheci um rapaz que namorou com uma moça durante 5 anos, o detalhe que é que ela nunca soube deste namoro, pois ele alimentou a relação tipo A por anos, enquanto ela vivia a relação tipo B com ele.




VAMOS LÁ....

5 PASSOS PRA VER SE VAI OU NÃO VAI



1 - MOTIVAÇÃO


Preciso definir qual a real razão que me leva a querer me relacionar com esta pessoa.


motivações erradas:

  • pressão familiar

  • para superar o passado, frustrações, tapar buraco

  • sentimento de dívida pois ela me ajudou no passado

  • apenas atração física

  • esta pessoa é legal, simpática

  • não consigo dizer não

  • ser feliz (você cria a expectativa que ela terá fará feliz, aliás está sempre procurando um gerador de felicidade)

  • sua idade está avançada e não tem muito tempo pra esperar mais


motivações corretas:


  • você precisa ter uma vida em andamento (sonhos, desejos, projetos, objetivos de vida, vida social, valores construídos, entre outras).



Esta descoberta definirá suas EXPECTATIVAS, que são as responsáveis pelos níveis de ansiedade que você desenvolverá.




2 - IDENTIFICAÇÃO (valores e sonhos)


Esse passo deve ser realizado em sentido duplo, quer dizer você identifica isso de si próprio e da outra pessoa.


- o que ela defende?

- o que ela se interessa e quais suas aspirações, sonhos?

- quais suas verdades, crenças?

- quais as responsabilidades?

- o que traz segurança?

- o que é o dinheiro?

- o que pensa sobre relacionamento, qual valor dele?


Então analise como você e ela vive estes conceitos na família, trabalho e nos meios que convive.


Quantas pessoas criam expectativas infundadas, e em apenas 1 mês vai do céu ao inferno por não darem tempo e não identificar o que realmente é relevante para uma relação saudável.


Você já se sentiu um objeto nas mãos de alguém? Pois bem, dando este passo, nunca mais será assim.



3 - COMUNICAÇÃO


Meu entendimento sobre comunicação é que devemos entender e ser entendidos.


Então identifique como ela entende, pois de nada resolve você falar, desenhar, apontar, brigar ou até explicar tudo nos mínimos detalhes quando na verdade você está falando em português se ela entende apenas japonês.


A não execução exata e cuidadosa deste passo te dará a sensação e inutilidade e trará um cansaço sobre-humano em determinadas relações.


Importante na comunicação:


  • Compreender que a linguagem corporal também fala (expressões faciais e comportamentais)

  • Dá liberdade entre vocês, falar e ouvir

  • Desperta a sensibilidade recíproca


A maioria dos relacionamentos desgastam e acabam por erros na comunicação.




4 - INTERCALADO


Chamo de passo intercalado, e este é simplesmente o passo que as pessoas não dão.


O que seria?


Você pode até dar o primeiro passo, se realmente estiver interessada em construir um relacionamento saudável com esta pessoa, mas seguirá adiante apenas se ela der o outro passo. Então você e esta pessoa irão intercalar os passos. Um passo de cada um por vez.


"Nada de levar a pessoa nas costas"


O passo intercalado releva:


  • o real interesse da outra pessoa

  • o comprometimento

  • se tem empatia e percepção relacional

  • que a comunicação está fluindo

  • que estão construindo juntos, avançando


Quando você decide levar nas costas:


  • a relação se torna um peso

  • as pressões aumentam a cada passo seu

  • o desgaste só corrói seus sentimentos

  • gera raiva, ódio, frustração

  • torna-se uma competição, onde você passa a cobrar a outra pessoa


Relacionamento é construção mútua.




5 - VIDA SOCIAL


No início é normal se dedicar mais a construção deste relacionamento.


Eu disse que é normal, porém não é saudável.


Vida social é fundamental, manter a "pizza da minha vida" bem dividida e recheada é uma questão de saúde emocional e auto-preservação.


ps. se você não sabe o que é a pizza da vida, assista vídeos a respeito no meu canal do youtube e toda semana falo sobre ela nas lives que realizo.




Cuidado


No início temos que decidir o que queremos alimentar:


AFETO (carinho, cuidado, respeito) quem você é, é mais importante pra ele

X

PAIXÃO (desejo, sexo, físico, coisas) o que você faz é mais importante pra ele



VOCÊ É FELIZ SOZINHO (A) ?


Se a resposta for sim, então está na hora de começar a dar passos na construção de relacionamentos saudáveis.


Se a resposta for não, então torne-se, depois poderá então construir. Você não pode ser o peso que não quer do outro.



ps. Eu desenvolvi um treinamento em vídeo sobre este assunto, é gratuito, acesse minhas redes sociais para saber maiores informações.




Por Everton Lopes


| Termos de uso .

| Política de privacidade .

| Considerações importantes

| Copyright

Receba toda semana nossas informações, avisos de lives e conteúdos gratuitos.